sábado, maio 03, 2008

Venda de garagem

Se alguém me oferecesse dinheiro em troca de posts, antes de surtar de alegria, eu aceitaria.
Passo horas discutindo com meu irmão mais velho uma maneira de tornar minha paixão blogueira uma coisa rentável e receber dinheiro para fazer o que eu mais gosto. Realmente seria ter o gostinho da realização plena, aos 19 anos.
Mas, como sempre, tem um porém: não aceitaria dinheiro se tivesse que falar bem de algo ou alguém que desprezo. Não aceitaria receber bufunfa para postar mentiras e coisas pouco ou nada éticas. Eu ia amar poder escrever com as minhas próprias opiniões e estilo. Eu ia enluquecer de emoção se pudesse viver daquilo que é minha paixão desde a infância, mas não concordaria com a idéia de dar meu apoio a alguma coisa perigosa ou que seja um mau exemplo para a sociedade, muito menos concordaria em ser uma marionete da política.
Meu talento está a venda, meus princípios não.
.
.
Pauta para a Capricho : "Você postaria por dinheiro?"

8 palpites bem-vindos!:

Giuliana O. Santana disse...

ushuahuahuahahah
concordo contigo!

Ah,..eu comentei, netão não morrerei por causa disso.
huhu o.O
beiiijoooos

Lilah disse...

concordo!
em parte..claro.

=]

Mari Martins disse...

Puuutz, será que tem alguém nesse mundo que descorda? =p

Lidusurf disse...

haouehuaehaoeu
Puta merda!
O fim tá igualzinho! haeuheaohaoaeh
Isso aeeeeee, Di!
Aqui nao!!
Hãã!
aheouehauoaeo
Bjo bjo

|Thamires disse...

o legal aqui na blogsfera é ser livre!!!!

;****

Nagela disse...

Penso como vc!
Fiz um ano de jornalismo e parei por conta disso. Apesar de que não foi só pelo fato de vc se torna um completo alienado sem poder se expressar e saber que ao argumentar contra idéias 'poderosas', vc entrará em um campo perigoso e seu nome será riscado da agenda dos contratantes de jornais e televisão, mas, também, pelo meu despertar para a psique humana, a psicologia.
Mas amo escrever como vc...queria muiiiito ganhar dinheiro com isso.
Mas...Mas...
...
rsrs
Beijos e parabéns pelo blog =)

Elsa Villon disse...

"Meu talento está a venda, meus princípios não".

De acordo em termos.

Eu não vendo meu talento.

Alugo.

E como todo inquilino, você precisa aceitar tais exigências.

Mas auto lá: quem sou eu diante de um emprego que paga bem?

Ética posta em xeque.

Isa Souza disse...

a frase 'postar por dinheiro' soa um pouco meio fora da lei, se eu ganhasse uma graninha pra falar do que eu penso, tipo jornalista, no meu blog, adoraria, mais nunca aceitaria dinheiro para promover as idéias e pensamentos dos outros que não fossem meus tbm.